Ginobili brilha em triunfo dos Spurs

thumbs_sapo_pt zO argentino Manu Ginobili foi a grande figura da jornada de segunda-feira da Liga norte-americana de basquetebol profissional (NBA), ao contribuir com 36 pontos para o triunfo caseiro dos desfalcados San Antonio Spurs sobre os Toronto Raptors (131-124).

Na ausência de Tony Parker e Tim Duncan, ambos lesionados, Ginobili saltou do banco para concretizar oito de 15 “tiros” de campo, incluindo seis em oito nos “triplos”, e 14 de 16 lances livres, aos quais juntou oito assistências, quatro ressaltos e outros tantos desarmes de lançamento.

“(Manu) Dá sempre tudo em campo, mas é ainda maior quando o desafio é mais exigente, quando crescem as dificuldades”, disse o treinador dos Spurs, Gregg Popovich, reconhecendo mais uma notável actuação do “genial” argentino.

Richard Jefferson, com 24 pontos, oito ressaltos e sete assistências, e George Hill, com 22 pontos e cinco assistências, também foram decisivos no triunfo dos Spurs, que, sem prolongamento, não marcavam 131 pontos desde que bateram os Denver Nuggets por 131-111 a 22 de Abril de 1993.

Por seu lado, Chris Bosh, em grande forma neste início de época, voltou a liderar os Raptors, com 32 pontos e 10 ressaltos, sendo bem secundado pelo turco Hedo Turkoglu (20 pontos) e o italiano Andrea Bargnani (17).

Em grande na ronda de segunda-feira voltou a estar também o base canadiano Steve Nash, que, com 21 pontos e 20 assistências, comandou os Phoenix Suns no triunfo por 119-115 em Filadélfia, frente aos 76ers.

Quinze “triplos” convertidos, em 30 tentados, e Jason Richardson (29 pontos e oito ressaltos) também determinaram o sétimo triunfo dos Phoenix – agora líderes isolados no Oeste -, que passaram os 100 pontos pelo oitavo jogo consecutivo, algo que não conseguiam a abrir uma temporada desde 1990/91.

Nos outros embates da ronda, destaque especial para o sofrido triunfo dos Utah Jazz no Madison Square Garden, face aos New York Knicks, por 95-93, depois de terem tido uma vantagem de 21 pontos.

Carlos Boozer, com 23 pontos e 14 ressaltos, o russo Andrei Kirilenko, com 23 pontos, seis assistências e seis ressaltos, lideram os Jazz, mas foi o turco Mehmet Okur (18 pontos e 12 ressaltos) que decidiu, com um lançamento de campo a 1.16 minutos do fim.

Por seu lado, os New Orleans Hornets venceram fora os Los Angeles Clippers por 112-84, com 25 pontos de Devin Brown, e os Golden State Warriors receberam e bateram os Minnesota Timberwolves, por 146-105, com 31 pontos do britânico Kelenna Azubuike.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: